Translate this Page

Rating: 3.0/5 (934 votos)



ONLINE
6




Partilhe este Site...

 

 

<

Flag Counter

mmmmmmmmmmm


// ]]>


Geografa biblica de Sardes
Geografa biblica de Sardes

                                             DADOS GEORAFICOS DE SARDES

 

Sardes era cidade existente desde o século 8° a.c, era capital do reino de Lidia,que foio maior poder encontrado pelos gregos em sua missão conquistadora,durante a colonização da Asia Menor.Estava situada 50 milhas ao nordeste de Filadélfia, na falda meridional do Monte Tmolus,á margem oriental do rio Pactolus,numa fertilissíma região da Ásia Menor.Sua acrópole,que sempre compreendia a parte mais alta da cidade antiga daquela região,coroava um monte de aproximadamente 300 metros de altura,dando-lhe um aspecto derarabeleza urbanística.(notas A.P.Vasconcelos,apocalipse,pp.41).

 

Dos monarcas que dominavam em Sardes,o mais notavel  de todos é Crespo,que se distinguiu de seus antecessores pela fabulosa riqueza que possuía,parte da qual era oriunda do ouro de aluvião encontrada nas areia do rio Pactolus que bordejava a cidade.O reino de Crespo caiu em poder em poder de Ciro,rei da Pérsia,em 546 a.c,que tomou a cidade de Sardes e transformou o reino numa satraparia da Pérsia,para onde foi transportada toda a riqueza de Crespo.(ibid,pp.42).

 

Em 499 a.c, houve a invasão macedônio do reino Pérsia.Em 334 a.c Sardes foi oficialmente conquistada por Alexandre,em consequência de sua vitória sobre os Pérsas na batalha de Grânio.Em 214 a.c,Antíoco,a conquistou e saqueou,mas ,jé em 190 a.c,os romanos a conquistaram na batalha de Magnésia e a tornaram numa das cidades que integravam a Província Romana da Ásia.(notas,ibid,pp.42).

 

Em 17 a.c,ela foi destruída por um terremoto quando imperador Tibério,num ato de generosidade,dispensou todos os impostos devidos pelos cidadãos sardenses ao Império,a fim de eles reconstruírem a cidade,o que foi feito.Atualmente,porém,ali existe sob o poder dos turcos,a ruínas da antiga cidade,apenas existe ali aldeia denominada "Kalessi",em nada comparável a cidade do passado que foi destruída.

 

Sardes hoje tem o nome de "Statart",Existem ruínas magnificas de um templo dedicado a deusa Cibele.Ao seu lado encontram-se as ruínas de uma igreja cristã,erigido no 4° século.Também nestas ruínas há um estadio de um teatro.A cidade encontra-se destruída em parte talvez por causa de alguns terremotos muito frequentes naquela região.O lugar hoje uma admirável aldeia em meio as ruínas de passadas grandezas,útil ás caravanas que vão de turismo que se dirigem da Pérsia a Esmirna para negócios de ceda.(notas.dic,wicllif,cpad).

 

Vale a pena lembrar que Sardes ficava a 50 kilômetros de Esmirna,e cidade foi a capital do antigo reino da lídia(700 a.c),foi uma das cidades mais magnificas do mundo.Sua riqueza era legendária.A cidade original era uma cidade-fortaleza quase inexpugnável,cercada por por penhasco.Na época em que João escreveu a carta,a cidade se orgulhava em ser o centro do comércio de lã.Alguns chegaram a sustentar que a arte de tecer a lã descoberta em sardes.Havia muitas indústrias de lã e tinturaria na cidade.Contudo a cidade passava por uma degeneração moral.Tornou´se o centro do culto a Cibele,deusa da região,cuja imoralidade e decadência eram notáveis.Havia em Sardes o culto á deusa artêmis,que se dizia,que se dizia poderosa em restaurar a vida dos mortos.(notas.rev. socep,outubro de2001)

 

De acordo com livro das antiguidades judaicas de Flavio Josefo,o historiador judeus do primeiro século a.c,havia em Sardes uma colônia judaica semelhante de outras existentes noutros lugares,dedicava-se a atividades comerciais e financeiras,o que lhe assegurava,de certo modo,grande influência diante da sociedade ambientes e os poderes políticos.          

fonte www.mauricioberwaldoficial.blogspot.com