Translate this Page

Rating: 3.0/5 (890 votos)



ONLINE
5




Partilhe este Site...

 

 

<

Flag Counter


historia da igreja primitiva N.4
historia da igreja primitiva N.4

 

                           O DIA DE PENTECOSTES VERSOS 1-4

 

V.1"... cumpriu-se o dia de Pentecostes...".
O termo pentecostes procede originalmente da festa judaica chanada de "festas das semanas ou hag shabuot,como descreve o antigo testamento (Lv 23.15-25 Dt 16.9-12).Essa festa era comemorada sete semanas depois da pascoa.Literalmente ,o termo significa "festa dos periodos de sete",em razão  de a festa ser comemorada a partir do dia seguinte ao setimo sabado,após o dia das primicias (Lv 23.15-16.)Outra experssão da qual se deriva o vocabulario'pentecostes' é "hamishim" yon,"que significa "festa do 50 dias"(Lv 23.16"),termo traduzido pela versão grega do antigo testamento por "pentekonta hemeras ,ou "quinquajésimo dia".A solene festa de pentecostes é chamada no antigo testamento de "festa das semans" "festa das primicias da sega do trigo""festa da colheita' e o dia das "primicias"-ocasião em que apresentam os primeiros frutos dos campos previamente plantados ex 23.16,34.22 nm 28.26,31 dt 16.9-12).

Quanto ao passado ,a festa de pentecostes era uma santa celebração em que o adorador oferecia ao Senhor uma oferta voluntaria proporcional as bençãos recebidas do Senhor (dt 16.100.Mas no contexto profético é uma referencia á efusão do Espirito Santo sobre toda carne(jl 2.28,at 2.1-3).O dia de pentecostes era celebrado por todos os judeus ,tanto os que habitavam a Palestina quanto aqueles que estavam dispersos por todas as partes do mundo de então.

 Alguns destes judeus e prosélitos não costumavam frequentar a festa da pascoa em Jerusalem ,pelo fato de o clima não ser favoravel para longas peregrinações .No entanto quando as condições climaticas estavam favoraveis ,ocasião ,que coincidia com a festa de pentecostes ,todos convergiam a Jerusalem capital religiosa do judaismo.Com base fundamentada em atos 2.7-13 menciona pessoas de varias nações no dia de Pentecostes,judeus vindo de varias nações pelo clima lhes ser favoravel.A distancia entre Jerusalem e as regiões das quais os devotos procediam ,de monstram a importancia da festividades sagrada para eles .A festa foi uma estratégia para manifestação o poder de DEUS a todas aquelas localizações .O dia de pentecostes simboliza ,para a igreja ,o inicio da colheita de almas para Deus neste mundo.

 No seculo 1° da era cristã ,as comunidades Judaicas localizavam-se principalmente na parte oriental do império romano ,onde o grego era um idioma comum ,mas havia comunidades de oeste e leste ,desde a italia até babilonia.Alem dos povoc aqui mencionados ,os presentes no dia de pentecostes9at 2.9-110,incluíam visitantes da mesospotania e de regiões mais distantes do oriente da Partia ,Médio e Leilão (atual Irã).(notas b. de estudo pentecostal cpad).Aqueles que se tornaram cristãos em pentecostes incluindo judeus de varias nações foram os primeiros frutos de uma vasta colheita de almas.

            V.1"...estavam reunidos todos no mesmo lugar...
"Aqui "reunidos" é ser unanimes ,ter consentimento mutuo ,estar de acordo ,ter unidade em grupo ,ter opinião e objetivo,harmonia,consentimento volitivo da igreja recém formada.Em cada uma de suas ocorrências mostra uma harmonia que leva a ação.(estrong).Os 120 at 1.15,a palavra "todos" aparecem diversas vezes em atos especialmente nos segundo capitulo (v 1,4,17,39,43,44).Como a palavra "todos" é inclusiva ,cada salvo é um candidato ao batismo no Espirito Santo ,observe ,contudo a salvação não é o batismo no Espirito Santo,este deve seguir se a salvação(at 1.14-14 ,2.38-39).Retrocedendo um pouco na leitura ,vemos "sobre meus servos e minhas servas..." at 2.18 ,leia tambem atos 19.2,jo 14.17 .(notas manual do obreiro cpad).

 Em atos 2.1 ,esta escrito "cumprindo-se o dia de pentecostes ,estavam reunidos no mesmo lugar',isso indica  não somente "união" mas "unidade no Espirito Santo"(v.4).Acabaram as discórdias ,as contendas as divergências pessoas em torno das coisas de Deus ,todos estavam ali juntos"reunidos'(ibid).
             

  V.2"...derrepente ,veio do céu um som...) (...som...)-
 um som vindo do ceu:-no dia do prometido derramamento de poder celestial ,a Palavra de Deus diz que veio do céu um som como de um vento o que esta ocorrendo atualmente em sua vida ,em sua igreja?O verdadeiro revestimento de poder do Espirito Santo vem do alto(lc 24.49 at 11.40.(notas manual do obreiro cpad).

Observemos que o Espirito Santo veio primeiramente com um "som".Um som para despertar ,os dormentes,para acordar do renovo espiritual.Um som para alertar de perigo .Para avisar ,um para convocar para o trabalho ;para reunir(1°cor 14.8).Um som para a igreja louvar a Deus ,com musicas sacra.(1°cronicas 16.42 e col 3.16).O som que veio do ceu era como de um vento ,isto é não houvem um vento natural de fato e sim algo semelhante as seus efeitos sonoros ,circundantes e propulsores.

                                      O que se representa o VENTO?

 1.FALA  de 'força impulsora"-como nas velas dos barcos,no moinhos et.2.FALA separar -a palha do trigo do grão 9sl 1.4 mt 3.12),separa o leve dp esado .3Move moinha e movimenta agua,arvores 4.o vento fertiliza -levando o polem ,a vida (col 4.16 e jo 3.5-8) .5o vewnto limpa -arvores ,campos etc.6.o vento não tem cor ,favoritismo ,individualismo ,discriminação.7.O vento pertence não  a um clima unico -é universal 9ec 1.6 gn 1.2).9.O vento não tem cheiro ,mas espalha perfume -aqui é importante refletir sobre o papel do altar do incenso ,no tabernaculo.10°O vento ,quando se move é infalivelmente sentido notado.11°O vento refresca e suavisa o calor 12°O vento -o ar-alimenta e vivifica (pulmões ,e vida organica).em ez 37.8-10 ,naquela visão que Deus o mostrou sobre um vale de ossos secos(notas ibid).

              V.2"...encheu toda a casa em que estavam assentados..."
.A casa focou cheia-,o som como de um vento veemente e impetuoso encheu toda casa.Aquele primeiro derramamento do poder do Espirio Santo ocorreu numa resiencia ,numa casa de familia.Isso nos leva a refletir sobre o importante papel da familia cristã cheia do Espirito Santo ,para a igreja .A familia ,como primeira instituição divina na terra ,foi o meio pelo qual Deus iniciou o ciclo da história humana. Foi por meio dela ,ainda ,que ele iniciou ou nação que traria o messias ao mundo e o trouxe.

             V.3"...foram vistas por eles linguas repartidas..."
.O texto de atos 2.3 mostra que linguas como que de fogo foram repartidas .O verdadeiro tem algo para se "ouvir"do "ceu"(veio do ceu um som),para se "ver"do ceu "foram vistas,por eles linguas 'e para "repartir"tambem vindo do ceu "linguas".As linguas repartidas e vistas por todos ,foi uma experiencia publica e notória ,sendo todos os olhos abertos pele evidencia da lingua(lc 24.31).O própio Espirito Santo repartiu essas linguas de acocrdo com a medida da fé e os diferentes dons da cada um (RM 12.6;1°cor 7.20).Essas linguas fazem parte do revestimento do alto do batismo do Espirito Santo.

  Desceram como fogo (AT2.3 MT 3.11) porque o fogo produz  luz purifica aquece o coração (MT4.7 5.28).Vemos neste texto diversidades de linguas repartidas como de fogo ,isso nos fala das diversidades de linguas o fogo é a garantia de que Deus estava nesse negócio visto que para os Judeus a manifestação divina estava ligada ao fogo.Linguas de fogo",isso tambem pode ser uma alusão a sarça ardente (EX 3.25),Que simboliza a presença divina.A manifestação externa da descida do Espito Santo foi outro sinal de poder.Moises foi chamado por Deus com fogo(EX6.1-8).(notas b.est.pentecostal cpad).

Essa linguas "como que de fogo",isto é ,fogo sobrenatural, celetial ,e não fogo estranho.

Veja a aplicação espiritual desse "fogo do céu":

                 1°.O fogo alastra-se,comunica-se.

                 2°O fogo purifica.Contra impureza espiritual,a principal força é o Espirito Santo.

                 3°.O fogo ilumina.E o saber ,o conhecimento das coisas de Deus. 

                 4°O fogo aquece.A igreja é o corpo de Cristo.Todo corpo vivo é quente.

               5°O fogo ,para queimar bem,de depende muito da maneira ,se é boa ou ruin.Que tipo de "madeira" somos nós e tu?Disso tambem depende o fogo divino em nós.

                 6°O fogo tanto estira o ferro ,como a roupa macia

            7°quando nasce sob fogo não esmorce sob o sol.Foi o fogo do céu que fez o templo de Salomão a casa de Deus(2 cr 7.1 e 1cor 3.16).
              

              V.4"...e todos foram cheios do Espirito Santo ..."
-Todos cheios-Esse é o cumprimento inicial da promessa de Jesus (1.5-8).As expressões intercambiais aos ouvintes v.6 .Uma pratica carateristico da plenitude do Espirito Santo.Receberam agora vida abundante que Jesus havia falado(jo 10.10).Cada um ficou cheio do Espirito Santo , o  seu templo cheio de Deus(1/cor 6.19;3.16).Assim antes o tabernaculo fora cheio (EX40.34),e tambem o templo (cronicas .1,2)todo.

 Todo o ser ficou ocupado da da gloria de Deus ,e aquilo que acompanha "...cheios de alegria ..."(AT13.52),cheios de amor (RM5.5).E estando cheios de coisas boas ,outras coisas malignas não tem mais envolvimento espiritualmente,graças a Deus.Os discipulos antes do batismo ,eram timidos e medrosos ,inclusive ,no dia da prisão de Jesus ,todos fugiram ,com excessão de Pedro ,que acompanhava até o local onde o filho de Deus foi crucificado julgado.Na casa do sumo sacerdote Caifas ,o amigo de Cristo ,que prometeu segui-lo até a morte ,com medo de morrer ,negou ters vezes Pedro a Jesus.

 No dia,de Pentecostes ,revestido do poder de Deus ,quando os Judeus ,atraídos pelo barulho das linguas que os discipulos falavam.Nos dias atuais ,viver cheio da graça de Deus é mais do uma necessidade .E a promessa do revestimento de poder está a disposição de todos os que crêem.Se voce ainda não é batizado com Espirito Santo ,não se preocupe ,pois Jesus está desejoso de atender a todos os que Nele esperam. 

 Frequente as reuniões de oração ,vigilias,jejuns ,e quando voce menos espera ,falará novas linguas como evidencia do batismo no Espirito Santo .Após receber esta benção ou promessa de Deus é para todos os que se converteram a Jesus como salvador,voce deve buscar diligentemente com zelo e perseverança ,os dons espirituais ,a fim de que seja um instrumento nas mãos de Deus para a edificação da igreja.Cultive tambem o fruto do Espirito Santo,para que seus atos provem a todos que voce é uma nova criatura.

 O batismo no Espirito Santo não pe a conversão ,porque para receber-lo é preciso antes se arrepender-se e crer ;não é justificação ou a santificação ,pois já há pessoas que antes de receber já possuem essas qualidades ,embora manifesta em grau bem fraco.(notas Emilio conde,pentecostes para todos cpcad 1985).

É de  mais familiar a muitos estudantes da biblia que a palavra grega usada por joão"baptizein",que significa que cada os crentes foram envolvidos ,no Espirito Santo(ibid cpad).Aqui em atos dos apóstolos temos um brilhantes exemplo de como os crentes se mantiveram cheios do do Espirito Santo.Foi por meio de renovação .Em atos 2.4"todos foram cheios..."e em atos 4.31 lemos de novo"...todos foram cheios do Espirito Santo...",a biblia diz que é possivel ser renovado"de dia em dia"(2°Cor 4.16). 

 O apostolo Paulo o tinha está necessidade bem viva no seu  ministério .Quando o jovem timótio começou a acompanhar lo nas suas viagens ainda jovem ,mais tarde ,já madurecido na idade,foi separado para o ministério .Quando timótio já estava mias de idade adulta mais  30 por exemplo ,Paulo escreveu em (1;tm 4.14 veja e 2°tm 1.6.Paulo queria que a segunda geração se mantivesse tambem cheios do Espirito Santo ,eisto só possivel somente atravez da renovação.

     QUAL É O BIBLIA DA PLENITUDE DO ESPIRITO SANTO RECEBIDA NO DIA DE PENTECOSTAL?

       1°.O inicio 

       

       Siginificou o inicio do cumprimento da promessa de Deus em (jl 2.28-29) de derramar seu Espirito Santo sobre todos o seu povo nos tempos do fim (at 1.4-5 ,mt 3.11 lc 24.49 ,jo 1.33).

      2°.ultimos dias 

     Posto que os ultimos dias desta era já começaram (v.17 ,hb 1.2 1/pd 1.20),todos agora se veem ante a decisão de se arrependerem e de creem em Cristo 9at 3.19 ,mt 3.2 lc 13.3 ,2.17).

     3°.testemunhar

     Os disciplulos foram "...do alto ...revestidos de poder (lc 24.49 at 1.8),que os capacitou a testemunhar de Cristo ,a produzir nos perdidos grande convicção no tocante ao pecado ,á justiça e ao julgamento divino ,e a desvia-lo do pecado para a salvação em Cristo ( at 1.8 ,4.13,33 ,6.8 rm 15.19 jo 16.8).

     4°.ministros pregadores

  Os discipulos se tornaram ministros de Espirito Santo.Não somente pregavam Jesus crucificado e ressucitou ,levando outras pessoas ao arrependimento e a fé em Cristo ,como tambem influenciavam essas pessoas a receber "o dom do Espirito Santo"(v.38-39),que eles mesmos tinham recebido no pentecostes v.4 .Levar outras ao batismo no Espirito Santo é a chave da Obra dos apostolos no (NT).(at 8.17 9.17 1.8 10.44-46 19.6).

    5°.salvação

  O Espirito Santo já revelou sua natureza,e aquele que receberam o batismo ficaram cheios do mesmo anseio pela salvação das pessoas (v.38-40 at 4.12 12.33 rm 9.1-3 10.1).O pentecostes é inicio das missões mundiais (at 1.8 2.6-11,39).

    6°.continuação

 Mediante este batismo no Espirito Santo ,os seguidores de Cristo tornaram-se continuadores do seu ministério terreno .Continuaram a fazer e ensinar no poder do Espirito Santo ,as mesmas coisas que Jessus "começou não só a fazer ,mas a ensinar"(at 1.1 jo 1.2).

            V.4"...e começaram a falar em outras linguas ...""glossalalia"do grego "glosso",lingua +lalia ,falar em linguas"dom sobranatural concedido pelo Espirito Santo ,que capacita o crente a fazer enunciados proféticos em linguas que lhe são desconhecidas.Objetivo da glossalalia é enunciar sobrenatural e extraordinariamente o evangelho de Cristo ,como acomteceu no dia de Pentecostes (at 2),levar o crente a consolar-se no Espirito Santo ,e a proclamar ,com o conhecimento e a vontade de Deus á igreja91°cor 14).notas andrade c.c. dic teológico cpad 1998).

      A glossalaria ,conhecida tambem como dom de linguas "desconecidas" é como dom e espiritual que ,á semelhança dos demais ,não ficou circunstrito aos dias dos apostolos :continua atualmente e atuante na vida da igreja.As linguas manifestação sobrenatural do Espirito Santo  uma  expressão vocal inspirada pelo Espirito Santo ,mediante a qual o crente fala numa lingua (grego glossa) que nun aprendeu 91/cor 14.14-15)(notas b.est.pent.)

  A evidencia de que os discipulos haviam recebido o Batismo ,foi o falar em linguas.Este é a evidencia indubitavel e clara do batismo no Espirito Santo.Cada um dos que se encontravam no cenaculo teve a sua própia experiencia ,todos falaram linguas que jamais tinham falado em tais linguas .Trata-se de um verdeiro milagre ,O profeta Isaias já havia profetizado que tal coisa aconteceria (is 28.11).Quando assim falaram em outras linguas ,não foi resultado de um esforço dos apostolos para estudar e aprender uma nova lingua mas algo que o Espirito Santo lhes concedia que falassem.

 

                        A EVIDENCIA COMO PADRÃO

  Aqui trata de um milagre ,que lhes serviu do sinal do recebimento da promessa .Como j´dissemos no tópico anterios ,a evidencia inicial e fisica do batismo no dia de pentecostes ,foi o falar em linguas.Esta evidencia deixou bem claro que os discipulos haviam recebido a promessas do PAI(at 2.17,18,38,39).

 O falar em linguas ,pois ,serve como padrão para se aferir se alguem foi ou não batizado com Espirito Santo(at 11.15-17))O que se sucedeu no dia de pentecostes,repetiu-se na casa de cornélio(at 10.46),em ÉFESO(at 19.6),na vida de Paulo(at 9.17,18 1/cor 14.18),em Samaria (at 8.20-21),embora a biblia não o declare ,tambem deve havido linguas por ocasião do avivamento que la houve nos dias dos apostolos.  

 O interessante generalizado pelo batismo e dons do Espirito Santo convenceu alguns.Os evangelicos do seculo 19,que que Deus concederia o dom de linguas a fim que pudessem anunciar  o evangelho noutras paises ,agilizando a obra missionaria.Entre os que esperavam o recebimento do poder para evangelizae o mundo ,achava-se o pregador da santidade ,em Kansas Chales Fox Parham e seus própios estudos de atos dos apostolos ,e influenciado por Irwin e Sand Ford ,testemunnhou Parham um reavivamento notavel na escola biblica Betel ,em Toketa ,Kansas em janeiro de 1901 .A maioria dos alunos ,bem como o própio Parham regozijaram-se por terem sido batizados no Espirito Santo e de haverem falada noutras linguas.Assim como Deus concedia a plenitude do Espirito Santo aos 12o no dia de pentecostes ,eles tambem haviam recebido a promessa (at 2.39)(notas Stanlei.M.H .sist.p.19 cpad 2006).  

  Depois de 1906 ,os pentecostais passaram a reconhecer ,cada vez mais ,que na maioria das vezes ocorrencia do falar em linguas ,os cristãos realmente estavam orando em linguas não identificaveis e não idiomas compreenciveis .(glosslalia ao invez de xenolalia)(ibid p.20).                              

  Os historiadores   que se ocupam do "avivamento pentecostal no seculo 20 são unanimes em mencionar a rua Azuza em los Angeles ,California ,em 1906 ,como sede irradiador de onde o avivamento se espalhou para outras cidades e nações .A rua Azuza transformou em poderosa fogueira divina ,onde centenas e milhares de´pessoas de todos os pontos da américa ,ao chegaram atraídos pelos acontecimentos e para ver o que estava acontecendo ali,eram batizados com Espirito Santo ,e ao retornarem para suas cidades ,levavam essa chama viva que alcançavam tambem outras pessoas .(nota Emillio Conde hist.da ad no brasil p.23.) 

 Porem quem havia trazido a menssagem pentecostal a Los Angeles fora uma senhora metodista que por sua vez ,a recebera na cidade de Houstom ,quando tinha ido  visitar seus parentes .Antes dessa data 1906),podemos citar tambem os avivamentos ocorridos na Suécia em ,1906 ,e na Inglaterra em 1740.Na América do norte ,podem-se mencionar ,os avivamentos nos Estados Unidos de nova Inlgaterra em 1854 ,e na cidade de Moorehed ,em 1892,seguidos da Galena,Kansas ,em 1903 e Orchard e houstom ,em 1904 e 1905 ,respectivamente)ibib p.23.

 

           A IGREJA ESTABELECIDA EM JERUSALÉM  Atos 1 a 6

A igreja nasceu em Jerusalém e seus membros se estruturaram para dar continuidade à obra de Jesus. Assim,   três aspectos foram observados por essa igreja:

a) Visão mundial, At 1 - O desafio de Jesus é global, v. 8, e não existe distinção entre missões mundiais, nacionais ou evangelismo local. Todos são vitais e um não pode excluir o outro. Tudo faz parte da grande comissão, Mt 28: 18-20. A partir de então, tornou-se claro para os discípulos que o movimento da igreja não deveria ser apenas em Jerusalém, mas também fora de seus limites.

b) Poder, At 2 - A incumbência que Jesus havia dado aos discípulos de levar o evangelho ao mundo inteiro parecia uma tarefa difícil. E, de fato, teria sido, se o derramar do Espírito Santo não tivesse acontecido, At 2: 1-3. Em poucos dias, aquele grupo de cento e vinte pessoas tornou-se uma multidão de salvos, At 2: 41; 4: 4 e 5: 14.

c) Envolvimento total, At 5 e 6 - A igreja de Jerusalém era uma família, de modo que as necessidades de cada irmão eram supridas e havia cooperação de todos os membros para ajudar os apóstolos, At 6: 1-3. Instituíram o diaconato, escolhendo para tal função homens que deveriam possuir três requisitos básicos: bom testemunho (aspecto social), serem cheios do Espírito Santo (aspecto espiritual) e de sabedoria (aspecto intelectual).
 Para os apóstolos ficaram reservadas a prática da oração e da pregação da Palavra, At 6: 4. Toda a igreja era, então, completamente envolvida com a obra de Deus.

                                    A IGREJA PRIMITIVA


A palavra igreja vem do grego ekklesiaque tem origem em kaleo ("chamo ou convosco"). Na literatura secular, ekklesia referia-se a uma assembléia de pessoas, mas no Novo Testamento (NT) a palavra tem sentido mais especializado. A literatura secular podia usar a apalavra ekklesia para denotar um levante, um comício, uma orgia ou uma reunião para qualquer outra finalidade. Mas o NT emprega ekklesia com referência à reunião de crentes cristãos para adorar a Cristo.

Que é a igreja? Que pessoas constituem esta "reunião"? Que é que Paulo pretende dizer quando chama a igreja de "corpo de Cristo"?
Para responder plenamente a essas perguntas, precisamos entender o contexto social e histórico da igreja do NT. A igreja  primitiva surgiu no cruzamento das culturas hebraicas e helenística.

Fundada a Igreja

Quarenta dias depois de sua ressurreição, Jesus deu instruções finais aos discípulos e ascendeu ao céu (At 1.1-11). Os discípulos voltaram a Jerusalém e se recolheram durante alguns dias para jejum e oração, aguardando o ES, o qual Jesus disse que viria. Cerca de 120 pessoas seguidores de Jesus aguardavam.

Cinqüenta dias após a Páscoa, no dia de Pentecoste, um som como um vento impetuoso encheu a casa onde o grupo se reunia. Línguas de fogo pousaram sobre cada um deles e começaram a falar em línguas diferente da sua conforme o Espírito Santo os capacitava. Os visitantes estrangeiros ficaram surpresos ao ouvir os discípulo falando em suas próprias línguas. Alguns zombaram, dizendo que deviam estar embriagados (At 2.13).
Mas Pedro fez calar a multidão e explicou que estavam dando testemunho do derramamento do Espírito Santo predito pelos profetas do Antigo Testamento (AT) (At 2.16-21; Jl 2.28-32). Alguns dos observadores estrangeiros perguntaram o que deviam fazer para receber o Espírito Santo. Pedro disse: " Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo " (At 2.38). 

Cerca de 3 mil pessoas aceitaram a Cristo como seu Salvador naquele dia (Atos 2.41).
Durante alguns anos Jerusalém foi o centro da igreja. Muitos judeus acreditavam que os seguidores de Jesus eram apenas outra seita do judaísmo. Suspeitavam que os cristãos estavam tentando começar um nova "religião de mistério" em torno  de Jesus de Nazaré.
É verdade que muitos dos cristãos primitivos continuaram a cultuar no templo (At 3.1) e alguns insistiam em que os convertidos gentios deviam ser circuncidados (At 15). Mas os dirigentes judeus logo perceberam que os cristãos eram mais do que uma seita. Jesus havia dito aos judeus que Deus faria uma Nova Aliança com aqueles que lhe fossem fiéis (Mt 16.18);  ele havia selado esta aliança com seu próprio sangue (Lc 22.20). De modo que os cristãos primitivos proclamavam com ousadia haverem herdados os privilégios  que Israel conhecera outrora. Não eram simplesmente uma parte de Israel - eram o novo Israel (Ap 3.12; 21.2; Mt 26.28; Hb 8.8; 9.15). "Os líderes judeus tinham um medo de arrepiar, porque este novo e estranho ensino não era um judaísmo estreito, mas fundia o privilégio de Israel na alta revelação de um só Pai de todos os homens." (Henry Melvill Gwatkin, Early Church History,  pag 18).