Translate this Page

Rating: 3.0/5 (905 votos)



ONLINE
2




Partilhe este Site...

 

 

<

Flag Counter


ascenção e queda do anticristo
ascenção e queda do anticristo

                                               A Ascensão e Queda do Anticristo

Ele está vivo hoje? Quem ele será? O que ele vai ser como? Onde ele vem? 
Qual será o seu papel na cena mundial? Qual será o seu destino final?

 

A Bíblia ensina que no fim dos tempos, logo antes do retorno de Jesus, o maior líder político na história da Humanidade vai emergir da Europa.Depois de assumir que a área por astúcia diplomática e engano, ele vai lançar uma campanha militar que irá resultar em sua aquisição "autoridade sobre toda tribo, povo, língua e nação" (Apocalipse 13: 7). Seu império será o mais extenso de toda a história, englobando todo o mundo, e seu governo será o mais demoníaco que o mundo já experimentou. 

Ele vai começar a sua ascensão ao poder como um, carismático, perspicaz, líder visionário dinâmico que vai surpreender o mundo com a esperteza de suas soluções para os problemas mundiais. Ele aparece para ser o salvador do mundo. Mas, como ele consolida seu poder, sua verdadeira natureza será revelada. Ele irá emergir como um Satan possuía e com poderes pessoa que odeia Deus e está determinado a aniquilar tanto o cristianismo eo judaísmo. Por esta razão, ele é identificado nas Escrituras como o Anticristo (1 João 2:18), pois ele vai ficar contra Deus e Seu ungido, Jesus Cristo.

Sua Origem

Onde é que esta pessoa sinistra vem? Alguns têm especulado que ele vai sair da Síria desde um de seus tipos proféticos da história - Antíoco Epifânio (215-164 aC) - era um tirano sírio.Mas Antíoco era realmente de herança grega. Poderia, portanto, ele ser um grego? Não é provável. 

É muito mais provável que ele vai subir para fora do coração do antigo Império Romano e que ele vai ser de descendência italiana. Esta conclusão baseia-se em uma declaração em Daniel 9:26. Nessa passagem, o Anticristo é referido como "o príncipe que há de vir", e ele é identificado como sendo das pessoas que "destruirá a cidade eo santuário." 

Sabemos pela história que ambos Jerusalém e do Templo judaico foi destruído pelos romanos em 70 dC Portanto, de acordo com Daniel, o anticristo deve ser de herança romana. 

Será que ele vai ser um judeu? Muitos supõem que ele vai ser porque Jesus disse: "Eu vim em nome de meu Pai, e vós não me recebeis; se outro vier em seu próprio nome, você vai recebê-lo" (João 5:43). Com base nesta declaração, as pessoas perguntam: "Como poderiam os judeus, possivelmente, receber um gentio como o Messias?" 

Mas a Bíblia não ensina que os judeus receberá o Anticristo como seu Messias. Ela ensina que eles vão aceitá-lo como um grande líder político e diplomata, e que eles vão colocar a sua confiança nele como o garante da paz no Oriente Médio. 

Mas no momento em que ele se revela como o Anticristo por profanar reconstruído Templo do judeu e blasfemando contra Deus, o povo judeu vai se revoltar. Eles vão rejeitá-lo como Messias, e ele vai responder em fúria tentando destruí-los. 

Que o Anticristo não tem que ser um judeu. E, de fato, a Bíblia deixa claro que ele será um gentio. Em Apocalipse 13: 1, ele é retratado como um "besta emergir do mar." O mar é usado de forma consistente ao longo das escrituras proféticas como um símbolo das nações dos gentios (Daniel 7: 3; Lucas 21:25, e Apocalipse 17: 1). 

Por outro lado, o homem do Anticristo direito lado, o Falso Profeta, que servirá como seu líder religioso, será um judeu.Isto é revelado em Apocalipse 13:11, onde diz que João viu "uma outra besta emergir da terra [literalmente, a terra]."Assim como o mar é usada simbolicamente na profecia para se referir às nações dos gentios, a terra (ou terra) é usado para se referir a Israel. Isso não significa que o Falso Profeta será um judeu ortodoxo. Significa apenas que ele será de herança judaica. Religiosamente, ele será um judeu apóstata que irá chefiar a Religião Mundial do Anticristo. 

Há uma outra questão sobre a origem do Anticristo que precisamos considerar. Muitos argumentam que ele será uma pessoa ressuscitou dos mortos - o mais provável Nero ou de Judas Iscariotes. Esta suposição é baseada em uma declaração em Apocalipse 13: 1-3, onde João descreve o Anticristo como uma besta de sete cabeças. Ele, então, faz a observação de que uma de suas cabeças apareceu "como se tivesse sido morto, e sua ferida mortal foi curada." Ele comenta que "toda a terra estava espantado" por este e, portanto, "seguido após a besta" (Apocalipse 13: 3). 

O problema com esta interpretação é que "a ferida fatal" referido na passagem nada tem a ver com a pessoa do Anticristo. As sete cabeças representam sete impérios gentílicos - ou seja, Egito, Assíria, Babilônia, Medo-Pérsia, Grécia, Roma, eo império final do Anticristo. A cabeça com o ferimento fatal que foi curada é o Império Romano. Sabemos disso a partir do livro de Daniel, onde está profetizado que o Império Romano será o último dos impérios gentios até o fim dos tempos, quando o império do Anticristo surgirá a partir de uma Europa reunificada - ou seja, a partir de um renascimento do antigo Império Romano (Daniel 2: 31-45 e 7: 1-8, 24-28). 

As profecias de Daniel provaram ser absolutamente precisos. O Império Romano foi o último dos impérios gentios. Ela se desintegrou no sistema de Estado-nação que tem prevalecido até hoje. Houve numerosas tentativas militares para ressuscitar o Império Romano, mais notavelmente por Napoleão e Hitler.Hoje, o núcleo do Império está se aglutinando diante de nossos olhos através de meios diplomáticos, a produção de uma Europa unida, que servirá como base para o surgimento do Anticristo. 

Outra passagem que é usado para justificar a idéia de o Anticristo ser uma pessoa ressuscitado é Zacarias 11:17 - 

Ai do pastor inútil 
Quem deixa o rebanho! 
Uma espada será em seu braço 
e sobre o olho direito! 
Seu braço será totalmente murcha, 
eo seu olho direito será cego .

Argumenta-se que esta passagem indica que o Anticristo será uma pessoa que sofreu um ferimento fatal. Agora, não há dúvida de essa passagem se refere ao Anticristo, mas eu acredito que ele está falando sobre o seu destino, em vez de sua origem. Usando uma linguagem simbólica, parece-me, o profeta está dizendo que o julgamento divino (a espada) cairá sobre o poder do Anticristo (o braço) e sua inteligência (o olho), e que ele vai sofrer uma derrota completa (o enfraquecimento do braço ea cegueira do olho). 

A idéia de que o Anticristo será ressuscitado uma pessoa levanta um problema teológico sério a respeito do poder de Satanás. As Escrituras deixam claro que o Anticristo será o homem de Satanás, com poderes por ele e possuída por ele.Mas não há nenhuma indicação na Escritura que Satanás tem o poder de dar vida a ninguém. Satanás não é onipotente. Jesus é o único que tem "as chaves da morte e do inferno" (Apocalipse 1:18). 

Uma das perguntas mais freqüentes é se ou não o anticristo está vivo hoje. Eu acredito que ele é, e eu acredito que sim, por duas razões. Em primeiro lugar, eu acredito que as Escrituras ensinam que a geração que vê o restabelecimento de Israel (14 de maio de 1948) vai viver para ver todas as profecias do tempo do fim cumpridas (Mateus 24: 32-34). Em segundo lugar, creio que os sinais dos tempos indicam claramente que estamos no limiar da Tribulação, o mais importante desses sinais, sendo o reagrupamento dos judeus à sua terra (Isaías 11: 10-12) e sua re-ocupação da cidade de Jerusalém (Lucas 21:24). 

Se o anticristo está vivo hoje, ele sabe quem ele é? Eu acho que não. Eu não acho que ele tem a menor idéia do papel que Satanás tem em mente para ele. Ele não vai se tornar o Anticristo até que Satanás o possui e confere-lhe poderes para enganar a Europa e os judeus. Sua plena revelação não ocorrerá até que ele entra no templo reconstruído em Jerusalém no meio da tribulação e declara-se deus. 

Mas estamos ficando à frente de nossa história. Vamos considerar seu personagem antes de dar uma olhada em sua carreira. 

Seu Personagem

A Bíblia é muito específica sobre o caráter do Anticristo, ea imagem que pinta é um nojento. A informação mais detalhada pode ser encontrada no livro de Daniel. Considere a tabela abaixo: 


Características do Anticristo

Descrição

Chifre pequeno 
Daniel 7

Pequeno Chifre 
Daniel 8

Intencional Rei 
Daniel 11

Homem da iniqüidade 
2 Tess. 2

 

Fanfarrão / Egotist

   

Blasfemador de Deus 

 

 

 

   

Desdenhoso 

 

 

Perseguidor dos crentes

       
 

 

Insolente

     
 

Enganosa / Sagaz

     

 

Demoníaco

       

 

 

   

Destrutivo  

 

 

Intencional 

       
   

 

Sexualmente pervertida 
Militarist 
Materialist

   

Mais e mais ênfase é dada à boca do Anticristo. Ele contará com non-stop sobre si mesmo (Daniel 7: 8). Ele vai "falar coisas monstruosas contra o Deus dos deuses" (Daniel 11:36). Ele será "dada uma boca que proferia palavras arrogantes e blasfêmias" (Apocalipse 13: 5). Em primeiro lugar, ele vai ser um fanfarrão e um blasfemo. 

Ele será forte vontade e imprudente em sua determinação de ter o seu caminho. Ele irá mostrar desprezo pelas tradições humanas e, é claro, mudar mesmo o calendário para que ele não vai mais estar relacionada com o nascimento de Jesus (Daniel 7:25). 

Outro ponto que é repetidamente enfatizado é que o Anticristo será possuído por Satanás, assim como Judas era (Lucas 22: 3). Daniel diz que seu poder será poderosa, "mas não pelo seu próprio poder" (Daniel 8:24). Paul diz que sua vinda será "de acordo com a atividade de Satanás, com todo o poder e sinais e prodígios de mentira" (2 Tessalonicenses 2: 9). João diz que Satanás dará o seu poder e autoridade para o Anticristo (Apocalipse 13: 2). 

Porque ele vai ser demonizado, ele será um homem que não pode ser confiável. Salmo 52: 2 diz que ele será um "trabalhador de engano." Salmo 55:21 diz que seu discurso será "mais suave do que a manteiga", mas seu coração será preenchido com a guerra. Salmo 5: 6 chama de "um homem de derramamento de sangue e do engano." No Salmo 43: 1, ele é referido como um "homem fraudulento e iníquo." 

Daniel indica que ele vai ser um pervertido sexual, provavelmente um homossexual. Como Daniel diz, o Anticristo vai mostrar nenhum respeito "para o desejo das mulheres" (Daniel 11:37). 

O quadro geral é a de um maníaco-ego que detesta Deus e explora as pessoas para seus próprios fins. Ele é enganoso e cruel. Ele é um homem desprovido de integridade. Esta é provavelmente a razão que quando Jesus voltar, John caracteriza-o como o "Fiel e Verdadeiro" One (Apocalipse 19:11), em contraste com o Anticristo, que tem sido tanto infiel e falsa. 

A falta de caráter que será exibido pelo Anticristo é talvez melhor resumido em alguns dos nomes dados a ele nas Escrituras: 

  • The Beast - Apocalipse 13: 1
  • O homem do pecado - 2 Tessalonicenses 2: 3
  • O filho da perdição - 2 Tessalonicenses 2: 3
  • A Pessoa Despicable - Daniel 11:21
  • O Willful King - Daniel 11:36
  • O pastor Worthless - Zacarias 11:17
  • O Insolente King - Daniel 8:23
  • A Abominação - Mateus 24:15

Sua Carreira

O Arrebatamento da Igreja é o evento que vai lançar a carreira do Anticristo. Isto é revelado em 2 Tessalonicenses 2, onde Paulo afirma que o Anticristo não pode ser revelado até que "um que agora resiste" ele é "tirado do caminho" (versículo 7).O limitador do mal no mundo de hoje é, obviamente, o Espírito Santo, eo Espírito realiza essa tarefa, trabalhando através da Igreja. 

É a Igreja que vai ser "tirado do caminho", não o Espírito Santo.Sabemos que isso com certeza porque o livro do Apocalipse ensina que uma grande multidão serão salvos durante a Tribulação (Apocalipse 7: 9-14), e ninguém pode ser salvo sem o testemunho do Espírito (João 6:44, John 15:26, e 1 João 5: 7). O Espírito permanecerá no mundo, mas a agência do Espírito atualmente trabalha através de restringir o mal, a Igreja, será removido. 

O próprio Rapture é provável que seja o evento que vai catapultar o Anticristo ao poder. Isso ocorre porque o Arrebatamento irá produzir caos e pânico internacional. O Anticristo, energizado por Satanás (Daniel 8:24), parece que vai ter todas as respostas para os problemas do mundo. Ele vai assumir a União Europeia através de intriga hábil (Daniel 8:23) e irá estabelecer a sua sede em Roma (Apocalipse 17: 3,9,18). 

O período da Tribulação vez sete anos vai realmente começar quando o Anticristo negocia um tratado que vai trazer a verdadeira paz para o Oriente Médio, permitindo que os judeus a reconstruir o seu templo (Daniel 9:27). Com sua base europeia consolidada e paz alcançada no Oriente Médio, ele propôs para subjugar o mundo inteiro. 

Um dos mitos sobre o Anticristo que tem desenvolvido na interpretação moderna do dia é que o mundo inteiro vai ficar tão encantado com ele que todas as nações se render a sua soberania a ele voluntariamente. A Bíblia não ensina isso. Ele também é contrária ao senso comum. África e na Ásia e na América Latina não passou de um casting século off colonialismo europeu, a fim de transformar de repente em volta e receber um ditador europeu, com os braços abertos. 

O mundo vai resistir a ele, eo resultado será uma Terceira Guerra Mundial em que ele "destruirá a um grau extraordinário" (Daniel 8:24). Esta guerra será inicialmente resultar na morte de um quarto da humanidade, ou 1,5 bilhões de pessoas em termos de hoje (Apocalipse 6: 2-8). Como a tribulação se aproxima de seu ponto médio, esta guerra vai se transformar em um holocausto nuclear que irá resultar na morte de um de um terço adicional de aqueles que ainda estão vivos - mais 1,5 bilhões (Apocalipse 8 e 9). 

Será uma vitória vazia, porque no processo de sua conquista, um terço da terra será destruído e metade de sua população serão mortos. Ele, então, consolidar sua "vitória" da instituição de uma economia de um mundo e uma religião mundial. 

A chave para o seu controle econômico será uma marca que cada pessoa terá de suportar em sua mão direita ou na testa (Apocalipse 13: 16-18). Ninguém será capaz de comprar ou vender a menos que tenham esta marca. A marca será composta por "ou o nome da besta ou o número do seu nome" (Apocalipse 13:18). 

Seu controle religioso será exercida por um falso profeta que dirigirá seu sistema religioso pagão (Apocalipse 13: 11-15). Ele vai obrigar toda a humanidade a adorar o Anticristo. Ele será um enganador que irá surpreender as pessoas com "grandes sinais" que aparecem na natureza miraculosa. Para consolidar este sistema religioso satânico, o Anticristo vai lançar uma grande perseguição de todos aqueles que colocaram sua fé no verdadeiro Deus desde o Arrebatamento da Igreja (Apocalipse 12: 13-17). O resultado será uma matança em massa de crentes (Apocalipse 7: 9-14). 

Isso significa que, do ponto médio da Tribulação, o Anticristo terá matado mais de metade da humanidade (1,5 bilhões nos juízos dos selos, 1,5 bilhão nos julgamentos das trombetas, e uma multidão indeterminada de santos.) Não é de admirar que ele é referido nas Escrituras como "o homem do pecado" e "o filho da perdição" (2 Tessalonicenses 2: 3). 

Nem todo esse abate satisfazer sua sede de sangue. Sobre o tempo que o Anticristo consolidou seu império mundial, Satanás será lançado do céu e virá à Terra em "grande ira, sabendo que ele tem apenas um curto período de tempo" (Apocalipse 12:12). Nesse ponto, ele irá possuir o Anticristo, como ele mesmo possuía Judas (Lucas 22: 3). 

Quando o Anticristo torna-se Satanás encarnado, ele vai se tornar um tirano megalomaníaco obcecado por duas coisas: ele mesmo eo povo judeu. 

Ele, de repente, marchar para o Templo reconstruído em Jerusalém, pare os sacrifícios, blasfemar contra Deus, e declarar-se para ser o primeiro e único Deus verdadeiro (Daniel 9:27 e 2 Tessalonicenses 2: 4). E quando os judeus rejeitam essa blasfêmia horrível, ele vai se transformar em cima delas e procuram aniquilá-los. Esta será sua paixão que tudo consome durante a segunda metade da Tribulação. É por isso que Jesus disse aos judeus que este período de tempo seria o "grande tribulação" (Mateus 24:21) - não porque seria pior do que a primeira parte, mas porque a ira seria focada sobre eles como uma nação e um povo. 

Satanás tem um ódio insano para os judeus. Ele as odeia porque deu ao mundo as Escrituras. Ele as odeia porque Deus enviou o Messias através deles. E ele odeia-los, porque Deus prometeu que Ele vai trazer um grande resto dele para a salvação em seu Messias. Ele quer destruí-los, de modo que Deus não pode cumprir essa promessa. 

Durante a segunda metade da Tribulação, ele quase terá sucesso em alcançar esse objetivo. É-nos dito em Zacarias 13: 8-9 que dois terços do povo judeu vai morrer durante este holocausto (mais 9,3 milhões de pessoas). 

Seu destino

A Bíblia indica que como o Anticristo torna-se obcecado com os judeus, ele perde o interesse em seu império no mundo inteiro, e segmentos do império que começam a se revoltar. O núcleo da revolta está centrado nos países asiáticos que levantam um exército de 200 milhões e enviá-lo marchando por toda a Ásia em direção a Israel, onde eles esperam para envolver o Anticristo em uma batalha decisiva para sua liberdade. 

Daniel diz que, embora o Anticristo e seus exércitos estão furiosos ao redor do Oriente Médio, saqueando as nações e matar os judeus, o Anticristo, de repente ouve "rumores" que "perturbam a ele" (Daniel 11: 40-44). Ele, evidentemente, ouve sobre o grande exército asiático chegando a desafiá-lo. Ele responde ao consolidar suas forças "entre os mares e da bela Montanha Sagrada" (Daniel 11: 45). Esta é a mesma área que é referido em Apocalipse como o Vale do Armagedom. 

Dizem-nos que o rio Eufrates seca neste momento eo grande exército asiático cruza para envolver o Anticristo e seus exércitos em batalha (Apocalipse 16:12). Enquanto lutam, o Senhor Jesus Cristo quebra dos céus, retorna para o Monte das Oliveiras, em Jerusalém, e fala uma palavra sobrenatural que faz com que todos os exércitos cair morto em suas trilhas."Seus olhos apodrecer nas órbitas e suas línguas apodrecer em suas bocas" (Zacarias 14:12), e do vale está cheio de sangue até aos freios dos cavalos para uma distância de 200 milhas (Apocalipse 14:20). 

Paulo diz que o Anticristo será morto por "o sopro do Senhor" (2 Tessalonicenses 2: 8). João diz que o Senhor vai fazer guerra contra o Anticristo "com a espada da Sua boca" (Apocalipse 2:16). Daniel diz que o Anticristo "domínio será tirado, aniquilados e destruídos para sempre" (Daniel 17:26).Daniel também diz que o Anticristo será jogado no "fogo ardente" (Daniel 7:11). 

John confirma o destino do Anticristo em Apocalipse, quando ele diz que tanto o Anticristo eo Falso Profeta serão lançados no "lago de fogo que arde com enxofre" (Apocalipse 19:20), onde "eles serão atormentados dia e noite para sempre e sempre "(Apocalipse 20:10). Isto significa que o Anticristo eo Falso Profeta serão os primeiros ocupantes do Inferno. (Satanás não será confinado lá até o final do Milênio - Apocalipse 20:10). 

Nossa Esperança

A boa notícia para os crentes é que não teremos de experimentar o horror do Anticristo. Nós nunca são orientados a prestar atenção para o Anticristo; em vez disso, somos instruídos a procurar Jesus Cristo. Em 1 Tessalonicenses 1:10 estamos certos de que nós, que somos crentes estão esperando por Jesus para voltar a "livra-nos da ira por vir."Essa é uma promessa gloriosa. É por isso que Paulo chama de Rapture nosso "bendita esperança" (Tito 2:13), e sua também a razão que ele nos diz para "consolar-nos mutuamente" com a promessa do Arrebatamento (1 Tessalonicenses 4:18).

vejam www.avivamentonosul.blogspot.com

fonte www.raptureready.com