Translate this Page

Rating: 3.0/5 (901 votos)



ONLINE
1




Partilhe este Site...

 

 

<

Flag Counter


heresiologia n.1
heresiologia n.1

                           HERESIOLOGIA FALSOS ENSINOS PARTE N.1           

                         SEITAS E HERESIAS OS FALSOS ENSINOS  

Colossenses 2  

Introdução

I. O apóstolo expressa preocupação com o Colossenses, Colossenses 2: 1-3. II. Ele repete isso de novo, Colossenses 2: 5. III. Ele adverte-os contra os falsos mestres entre os judeus (Colossenses 2: 4,6,7), e contra a filosofia Gentile, Colossenses 2: 8-12. IV. Ele representa os privilégios dos cristãos, Colossenses 2: 13-15. E, V. Conclui com uma advertência contra os professores judaizantes, e aqueles que iria introduzir a adoração dos anjos, Colossenses 2: 16-23.

 

Os versículos 1-3

A preocupação de Paulo aos Colossenses. A. D. 62.

1 Pois quero que saibais quão grande luta tenho por você, e por que estão em Laodicéia, e por quantos não viram o meu rosto em carne 2 que os seus corações sejam animados, estando unidos em amor, e até todas as riquezas da plenitude do entendimento para o pleno conhecimento do mistério de Deus, e do Pai, e de Cristo 3 no qual estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento.

 

Podemos observar aqui a grande preocupação que Paulo tinha para essas Colossenses e as outras igrejas que ele não tinha qualquer conhecimento pessoal. O apóstolo nunca tinha sido em Colossos, ea igreja plantada ali não era de seu plantio e ainda teve como proposta, a cuidar dele como se fosse o único povo de seu cargo (Colossenses 2: 1): Por que eu faria isso você sabia o grande combate tenho por vós, e pelos que estão em Laodicéia, e por quantos não viram o meu rosto em carne. Observe-se, cuidados 1. de Paulo da igreja era como ascenderam a um conflito. Ele estava em uma espécie de agonia, e tinha um medo constante respeitando o que seria deles. Nisto ele era um seguidor de seu Mestre, que estava em uma agonia para nós, e foi ouvido quanto ao que temia. (2.) Podemos manter uma comunhão de fé, esperança e amor santo, mesmo com aquelas igrejas e companheiros de cristãos, dos quais não temos conhecimento pessoal, e com os quais não temos nenhuma conversa. Podemos pensar, e orar, e se preocupar com o outro, à maior distância e aqueles que nunca vimos na carne podemos ter esperança de encontrar no céu. Mas,

 

I. O que foi que o apóstolo desejado por eles? Que seus corações sejam animados, estando unidos em amor, & c, Colossenses 2: 2.. Foi seu bem-estar espiritual sobre o qual ele foi solícito. Ele não diz que eles podem ser saudável e alegre, e rica, e grande, e próspero, mas que os seus corações sejam consolados. Note, A prosperidade da alma é a melhor prosperidade, e que devemos ser mais apreensivo acerca de nós mesmos e dos outros. Temos aqui uma descrição do soul-prosperidade.

 

1. Quando o nosso conhecimento cresce a uma compreensão do mistério de Deus, e do Pai, e de Cristo, - quando chegamos a ter uma distinta, um conhecimento mais clara, metódica da verdade como é em Jesus, então o alma prospera: Para entender o mistério, ou o que estava escondido antes, mas agora é dado a conhecer a respeito do Pai e de Cristo, ou o mistério antes mencionado, de chamar os gentios na igreja cristã, como o Pai e Cristo revelaram-lo no evangelho e não apenas de falar sobre isso de forma mecânica, ou como nos foi ensinado que por nossos catecismos, mas para ser levado para ele, e entrar no significado e projeto dele. Isto é o que deve trabalhar depois, e então a alma prospera.

 

2. Quando a nossa fé cresce a uma plena certeza e reconhecimento negrito deste mistério. (1.) Para a plena certeza, ou um julgamento bem-resolvido, em cima de sua prova propriamente dita, das grandes verdades do evangelho, sem duvidar, ou chamá-los em questão, mas abraçá-los com a maior satisfação, como provérbios fiéis e digna de toda aceitação. (2) Quando se trata de um reconhecimento livre, e nós não só acreditar com o coração, mas está pronto, quando foi chamado para isso, para fazer a confissão com a nossa boca, e não têm vergonha de nosso Mestre e nossa santa religião, sob as carrancas e violência de seus inimigos. Isso é chamado as riquezas da plenitude da inteligência. Grande conhecimento e forte fé fazer uma alma rica. Isto é ser rico para com Deus, e ricos na fé, e ter as verdadeiras riquezas, Lucas 12: 21,16: 11; Tiago 2: 5.

 

3. Ela consiste na abundância de conforto em nossas almas: Que seus corações sejam confortados. A alma prospera quando ela está cheia de alegria e paz (Romanos 15:13), e tem uma satisfação dentro do qual todos os problemas sem não pode perturbar, e é capaz de alegria no Senhor, quando todos os outros confortos falhar, Habacuque 3:17, 18.

 

4. A comunhão mais íntima que temos com nossos companheiros cristãos quanto mais a alma prospera: estejam unidos em amor. Amor Santo tricota os corações dos cristãos um para outro e de fé e de amor tanto contribuem para o nosso conforto. Quanto mais forte a nossa fé é, e quanto mais quente o nosso amor, maior será o nosso conforto ser. Tendo oportunidade de mencionar Cristo (Colossenses 2: 2), de acordo com sua forma habitual, ele faz esta observação à sua honra (Colossenses 2: 3): Em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento. Ele havia dito (Colossenses 1:19) que toda a plenitude habita nele: aqui ele menciona particularmente os tesouros da sabedoria e do conhecimento. Há uma plenitude da sabedoria nele, como ele revelou perfeitamente a vontade de Deus para a humanidade. Observe-se, os tesouros da sabedoria estão escondidos não de nós, mas para nós, em Cristo. Aqueles que seria sábio e sabendo devem fazer a aplicação a Cristo. Temos de passar sobre o estoque que está guardada para nós nele, e retirar os tesouros que estão escondidos nele. Ele é a sabedoria de Deus, e é de Deus fez para nós sabedoria, & c, 1 Coríntios 1:. 24,30.

 

II. Sua preocupação para eles é repetido (Colossenses 2: 5): Ainda que eu esteja ausente quanto ao corpo, contudo estou convosco no espírito, joying, e vendo a vossa ordem ea firmeza da vossa fé em Cristo. Observe, 1. Podemos estar presente em espírito com aquelas igrejas e cristãos de quem estamos ausente no corpo, para a comunhão dos santos é uma coisa espiritual. Paul tinha ouvido a propósito da Colossenses que eram ordenado e regular e que ele nunca tinha visto, nem estava presente com eles, diz-lhes que ele poderia facilmente imaginar-se entre eles, e olhar com prazer para o seu bom comportamento. 2. A ordem ea firmeza da cristãos são motivo de alegria para os ministros que alegria quando virem a sua ordem, o seu comportamento regular e firme adesão à doutrina cristã. 3. O mais fiel para a nossa fé em Cristo, o melhor fim haverá em toda a nossa conversa para nós viver e andar pela fé, 2 Coríntios 5: 7; Hebreus 10:38.

 

Os versículos 4-12

A Glória da Economia cristã. A. D. 62.

4 E digo isto, para que ninguém vos engane com palavras persuasivas. 5 Pois, ainda que eu esteja ausente quanto ao corpo, contudo estou convosco no espírito, joying e vendo a vossa ordem ea firmeza da vossa fé em Cristo. 6 Como, pois, recebestes o Senhor Jesus Cristo, assim também andai nele: 7 arraigados e edificados nele, e confirmados na fé, assim como fostes ensinados, abundando em ação de graças. 8 Cuidado para que ninguém mimá-lo por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo. 9 Porque nele habita toda a plenitude da Divindade corporalmente. 10 E estais perfeitos nele, que é a cabeça de todo principado e poder: 11 no qual também fostes circuncidados com a circuncisão não feita por mão no despojo do corpo dos pecados da carne, a circuncisão de Cristo: 12 Sepultados com ele no batismo, no qual também fostes ressuscitados mediante a fé no poder de Deus, que o ressuscitou dentre os mortos.

 

Os cuidados apóstolo Colossenses contra enganadores (Colossenses 2: 4): E digo isto para que ninguém engane com palavras persuasivas e Colossenses 2: 8, para que ninguém mimá-lo. Ele insiste tanto com a perfeição de Cristo e da revelação do evangelho, para preservá-los das insinuações ensnaring daqueles que corrompem os seus princípios. Observe, 1. A maneira pela qual Satanás estraga almas é sedutora por eles. Ele engana-los, e por este meio mata-los. Ele é a antiga serpente que enganou Eva com a sua astúcia, 2 Coríntios 11: 3. Ele não poderia arruinar-nos se não enganar-nos e ele não podia enganar-nos, mas por nossa própria culpa e loucura. 2. Agentes de Satanás, que visam a mimá-los, enganam-los com palavras persuasivas. Veja o perigo de palavras persuasivas quantos são arruinados pelo elogio daqueles que ficam à espreita para enganar, e pelas falsas aparências e disfarces justos dos maus princípios e práticas perversas. Por boas palavras e lisonjas, enganam o coração dos simples, Romanos 16:18. "Você deveria estar sobre a sua guarda contra palavras persuasivas, e estar ciente e medo daqueles que seduzi-lo para qualquer mal por aquilo que eles visam é para mimá-lo." Se os pecadores te quiserem seduzir, não consintas, Provérbios 1:10. Observe-se,

 

I. Um antídoto soberano contra sedutores (Colossenses 2: 6,7): Como, pois, recebestes o Senhor Jesus Cristo, assim também andai vós nele, arraigados e edificados, & c. Aqui, note 1. Todos os cristãos têm, na profissão, pelo menos, recebeu Jesus Cristo, o Senhor, recebeu-o como Cristo, o grande profeta da igreja, ungido por Deus para revelar sua vontade, como Jesus o grande sumo sacerdote, e Salvador do pecado e ira, pelo sacrifício expiatório de si mesmo e como Senhor, ou soberano e rei, a quem devemos obedecer e estar sujeito a .-- o receberam, consentiu com ele, o levou para o nosso em toda relação e todas as capacidades, e para todos os objetivos e os usos deles. 2. A grande preocupação das pessoas que receberam a Cristo é andar nele - para fazer as suas práticas conforme a seus princípios e sua conversa agradável para os seus compromissos. Como já recebeu a Cristo, ou consentido ser dele, por isso temos de andar com ele em nosso curso diariamente e manter a nossa comunhão com ele. 3. Quanto mais perto andamos com Cristo, mais estamos enraizados e confirmados na fé. Uma boa conversa é o melhor estabelecimento de uma boa-fé. Se andarmos nele, seremos enraizado nele e quanto mais firmemente estamos enraizados nele o mais de perto andaremos nele: Arraigados e edificados. Observe-se, Nós não podemos ser edificados em Cristo, a não ser que estar enraizado primeiro nele. Devemos estar unidos a ele por uma fé viva, e de coração a concordar com a sua aliança, e depois vamos crescer nele em todas as coisas .-- Como você foi ensinado - "de acordo com a regra da doutrina cristã, em que você tenha sido instruído. " Observe-se, Uma boa educação tem uma boa influência sobre a nossa criação. Temos de ser confirmados na fé, como foram ensinados, abundando. Praticar, sendo confirmados na fé, devemos abundam nele, e melhorar em cada vez mais e isso com ações de graças. A maneira de ter o benefício e conforto da graça de Deus é para ser muito em dar graças por isso. Devemos unir agradecimento a todos os nossos avanços, e ser sensato da misericórdia de todos os nossos privilégios e realizações. Observe-se,

 

II. O aviso justo nos deu do nosso perigo: Cuidado para que ninguém mimá-lo por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo, Colossenses 2: 8. Há uma filosofia que é um nobre exercício de nossas faculdades razoáveis, e altamente úteis para a religião, como um estudo das obras de Deus, como nos leva ao conhecimento de Deus e confirma a nossa fé nele. Mas há uma filosofia que é vã e enganosa, que é prejudicial à religião, e define-se a sabedoria do homem em concorrência com a sabedoria de Deus, e ao mesmo tempo agrada fantasias dos homens ruínas sua fé como especulações agradáveis ​​e curiosas sobre coisas acima de nós , ou de nenhum uso e preocupação para nós ou a cuidados de palavras e termos de arte, que têm apenas um vazio e muitas vezes uma aparência batota do conhecimento. Segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo: isso reflete claramente sobre a pedagogia judaica ou a economia, bem como a aprendizagem Pagan. Os judeus se governam pelas tradições de seus anciãos e os rudimentos ou elementos do mundo, os ritos e observâncias que eram apenas preparatório e introdutório ao estado evangelho os gentios misturado suas máximas da filosofia com os seus princípios cristãos e ambos alienado suas mentes de Cristo. Aqueles que fixar a sua fé em mangas de outros homens, e andar no caminho do mundo, se afastaram de seguir depois de Cristo. Os enganadores eram especialmente os professores judeus, que se esforçavam para manter-se a lei de Moisés, em conjugação com o evangelho de Cristo, mas realmente em concorrência com ele e contradição a ele. Agora aqui o apóstolo mostra,

 

1. Que temos em Cristo a substância de todas as sombras da lei cerimonial, por exemplo: (1) Se tivessem, em seguida, a Shechiná, ou a presença especial de Deus, chamados a glória, do token visível dele? Então, temos agora em Jesus Cristo (Colossenses 2: 9): Porque nele habita toda a plenitude da Divindade corporalmente. Segundo a lei, a presença de Deus habitava entre os querubins, em uma nuvem que cobria o propiciatório, mas agora ele habita na pessoa do nosso Redentor, que participa de nossa natureza, e é osso dos nossos ossos e carne da nossa carne e tem mais claramente declarado o Pai para nós. Ele habita nele corporal não como o corpo se opõe ao espírito, mas como o corpo se opõe à sombra. A plenitude da divindade habita em Cristo realmente, e não no sentido figurado, porque ele é Deus e homem. (2.) Se tivessem circuncisão, que era o selo da aliança? Em Cristo somos circuncidados com a circuncisão não feita por mãos (Colossenses 2:11), pelo trabalho de regeneração em nós, que é a circuncisão espiritual ou cristã. Ele é judeu o que o é no interior, e circuncisão é a do coração, Romanos 2:29. Isto é devido a Cristo, e pertence à dispensação cristã. É feito sem mãos não pelo poder de qualquer criatura, mas pelo poder do Espírito de Deus abençoou. Nós nascemos do Espírito, João 3: 5. E é a lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo, Tito 3: 5. Consiste no despojo do corpo dos pecados da carne, em renunciar o pecado e reformar nossas vidas, e não em meros ritos externos. Ele não é o despojamento da imundícia da carne, mas a indagação de uma boa consciência para com Deus, 1 Pedro 3:21. E não é o suficiente para arrumar alguém pecado particular, mas temos de adiar todo o corpo do pecado. O velho deve ser crucificado, e o corpo do pecado destruiu, Romanos 6: 6. Cristo foi circuncidado, e, em virtude de nossa união com ele, nós participamos do que a graça eficaz que coloca fora do corpo dos pecados da carne. Mais uma vez, os judeus se pensou completa na lei cerimonial, mas estamos completos em Cristo, Colossenses 2:10. Isso era imperfeita e defeituosa se o primeiro pacto tinha sido impecável, não haveria se teria buscado lugar para o segundo (Hebreus 8: 7), e que a lei era apenas uma sombra de coisas boas, e nunca poderia, por esses sacrifícios, fazer a eles se chegam perfeito, Hebreus 10: 1. Mas todos os defeitos de que são constituídos no evangelho de Cristo, com o total sacrifício pelo pecado e revelação da vontade de Deus. Qual é o cabeça de todo principado e poder. Como o sacerdócio do Antigo Testamento teve sua perfeição em Cristo, assim também tinha o reino de David, que foi o principado eminente e poder sob o Antigo Testamento, e que os judeus se valorizado muito em cima. E ele é o Senhor e chefe de todos os poderes do céu e da terra, dos anjos e dos homens. Anjos, e as autoridades, e poderes estão sujeitos a ele, 1 Pedro 3:22.

 

2. Nós temos comunhão com Cristo em toda a sua empresa (Colossenses 2:12): Sepultados com ele no batismo, no qual você também subiram com ele. Nós dois estamos enterrados e subir com ele, e ambos são significadas pelo nosso batismo não que haja algo no sinal ou cerimônia do batismo, que representa este enterramento e subindo, mais do que a crucificação de Cristo é representada por qualquer semelhança visível no Ceia do Senhor, e ele está falando da circuncisão não feita por mãos e diz que é através da fé no poder de Deus. Mas a coisa significada pelo nosso batismo é que fomos sepultados com Cristo, como o batismo é o selo da aliança e uma obrigação de nossa morte para o pecado e que estamos ressuscitados com Cristo, pois é um selo e uma obrigação de nossa vida para justiça, ou novidade de vida. Deus no batismo compromete-se a ser para nós um Deus, e nos tornamos contratado para ser o seu povo, e por sua graça para morrer para o pecado e viver para a justiça, ou adiar o velho e colocar o novo

 

FONTE Matthew Henry sobre a Bíblia.

FONTE WWW.AVIVAMENTONOSUL21.COMUNIDADES.NET