Translate this Page

Rating: 3.0/5 (901 votos)



ONLINE
1




Partilhe este Site...

 

 

<

Flag Counter


historia da igreja da ALEMANHA
historia da igreja da ALEMANHA

 

              HISTORIA DA IGREJA NA ALEMANHA

 Alemanha tem uma história bastante instável. É um país muito influenciado por Deus, mas, infelizmente, também muito usado por Satanás.

Durante todo o período de migração, a partir de cerca de 300 dC, tribos de origem israelita como os godos, citas, anglos e os saxões (descendentes das tribos israelitas de Gad, Dan, Judá e Efraim), Franks (Reuben), juta (Judá), e outros se mudaram para e pela Europa central, e estabeleceu-se dentro do que é chamado de Alemanha hoje. De 500 a 900 dC outras tribos fluiu para a mesma área do Oriente, entre eles os hunos, que são de ascendência assíria e Gomerian. Enquanto não era (e é) uma maioria de descendentes de tribos pagãs, como os hititas e Assur no Sul, o Norte foi principalmente de descendência israelita.

Ao longo dos séculos a maioria das pessoas de origem israelita antiga seguiu em frente, até a Escandinávia, as Ilhas Britânicas e, posteriormente, para a América do Norte e deixou apenas vestígios, principalmente no norte e centro da Alemanha. Mas na história, particularmente sobre as bandeiras e os brasões de cidades e províncias da herança israelita alemães ainda podem ser vistos. 

Alguns deles são mostrados aqui, por exemplo, o sinal da tribo de Gad foi o cavalo que é visto no brasão de armas da Baixa Saxônia. Na heráldica, o leão representa a tribo de Judá e, muitas vezes, com uma coroa, o próprio Senhor (como visto no casaco britânico de armas). Você pode ver esses dois nos brasões de Bremen e Turíngia. A origem da chave do brasão de armas do Bremen não é clara, mas pode estar relacionada com a escritura em APOCALIPSE 3: 7 . Outro exemplo da prova de herança israelita na história pode ser visto nos estreitos laços familiares entre as relações das casas reais europeias. A união pessoal dos reis britânicos e alemães de 1714 (George I) até 1837 (Victoria) e sua linha de sangue de desendency israelita pode ser seguido em linha reta de volta para os reis de Israel. (Veja o artigo " o resto de Judá Encontrado na Alemanha "para mais informações).

Como a Alemanha não era composta de um único povo homogêneos, também não foi unificada sob uma única unidade política, até final do século 19. Os alemães exercida, no entanto, uma enorme influência sobre a civilização ocidental desde seus primórdios. Basicamente, havia três "Impérios Alemão '. O mais conhecido foi chamado de "Terceiro Reich", onde a Alemanha estava sob o domínio nazista infame, entre 1933 e 1945 O "Sacro Império Romano", que data do século 8 dC até 1806 dC, foi o primeiro império alemão. O território do império originalmente incluía o que hoje é dia moderno Alemanha, Áustria, República Checa, Suíça, no leste da França, os países baixos, e partes do norte e centro da Itália. Depois de meados do século 15, ele era conhecido como o "Sacro Império Romano de Nação Germânica". Foi governado pelos papas católicos romanos de Roma com os imperadores alemães como seus capangas. Foi Martin Luther que rompeu o poder absoluto da Igreja Católica, começando com a tradução da Palavra de Deus para o alemão.

 

O tempo entre 1871 e 1918 ficou conhecido como o "Segundo Reich". Foi um curto período em que a Alemanha estava unida por momentos instáveis da industrialização, do colonialismo e enormes problemas econômicos. Houve um aumento significativo na população durante este tempo. Em 1914 ela foi para a guerra e foi destruída. Foi também a época da ascensão e queda de grupos cristãos independentes que deixaram as igrejas do Estado e passou a fazer parte dos revivals em todo o mundo.

Catolicismo na Alemanha

A história da Igreja Católica na Alemanha começou no século 3 dC, com a fundação de dioceses em Trier, Colônia e Mainz. Depois de um curto período de tempo, devido ao declínio do Império Romano, houve uma subida gradual do poder pelos papas romanos e novas dioceses e missões foram fundadas. Até o século 12, a Igreja Católica havia se espalhado por toda a Alemanha e detinham o poder religioso e político absoluto. Não havia Bíblias disponíveis na língua do povo comum e, portanto, a igreja foi capaz de suprimir o continente em uma idade das trevas da superstição e da brutalidade. Um instrumento muito poderoso que a igreja usada para oprimir as massas, mesmo após a reforma, foi o "Santo Ofício" ou Inquisição. Tinha começado no século 11 depois de "hereges" aparentes como os valdenses, albigenses, batistas e outros revelou as mentiras do sistema religioso da igreja papal. A inquisição aumentou a tal ponto que, estima-se que tenha causado a morte de até setenta milhões de pessoas na Europa. Os imperadores e reis alemães mostraram-se entre os seguidores mais dedicados da barbárie Católica ea "Sacro Império Romano de Nação Germânica" o poder político estava dependendo da graça e da misericórdia do papa. Heinrich IV, por exemplo, foi forçado a andar de Speyer, na Alemanha de Canossa, na Itália, em janeiro de 1077 para mostrar seu arrependimento e devoção ao Papa Gregor VII, depois que ele se atreveu a nomear bispos. O papa proibiu-o por essa heresia e parte da viagem, ele viajou pé descalço através dos Alpes gelado, o que ilustra claramente o poder do sistema papal da época.

Foi principalmente Martinho Lutero, que se separou centenas de anos de poder rígida e absoluta do sistema católico romano através de seus ensinamentos corajosos.

Martin Lutero e da Reforma

Lutero (1483-1546 dC), é uma das notabilidades mais proeminentes na história da Alemanha. Depois de sua conversão dramática, ele se tornou um monge Augustin. De 1514 Lutero foi professor de teologia na Universidade de Wittenberg e foi também o padre da igreja da cidade. Durante esse tempo, Lutero observou que muitas pessoas em Wittenberg não vinham ter com ele para a confissão e estavam indo para outras cidades vizinhas para comprar "indulgências". A prática de compra de indulgências substituído confissão e permitiu que as pessoas a comprar sua salvação, este Luther completamente repelidos. Ao contrário do que os dogmas católicos romanos, Lutero acreditava que o homem recebe a graça de Deus sem as obras de acordo com ROMANOS 3:24 .

Martin Luther

Depois de 1507 dC, o comércio de indulgências aumentou enormemente, porque o Tribunal Papal queria construir uma nova catedral em Roma chamada de "Cúpula de São Pedro". Para acumular os fundos necessários, o monge dominicano Johann Tetzel, vendeu indulgências na região de Wittenberg de uma forma muito ousada. Pessoas foram mesmo levados a acreditar que Tetzel poderia redimir os pecados do falecido. Um ditado bem conhecido de Tetzel foi: "Assim como o ouro nas argolas do caixão, a alma resgatada ao céu molas."

Lutero pregou abertamente contra o comércio de indulgência antes de 31 de outubro de 1517 Naquele dia, porém, ele martelou suas famosas noventa e cinco teses contra os abusos do poder da igreja na porta da igreja de Wittenberg. Ele também escreveu uma carta com o mesmo conteúdo para seus superiores da igreja. Lutero não esperava receber uma resposta tão rápida. Até o final de 1517, cópias das teses haviam sido impressos em Leipzig, Nuremberg e Basel. Alguns humanistas e príncipes apaixonadamente aprovou das teses, mas a Igreja Romana rejeitou-los completamente. A voz mais veemente contra as teses era a Indulgência Priest Tetzel, que supostamente categorizado Lutero como um seguidor do herege João Hus e ameaçado de tê-lo queimado na fogueira. Lutero não queria uma divisão aberta na igreja e tentou acalmar o clero para baixo.

Lutero permaneceu firmemente baseada na Palavra e, posteriormente, claramente considerada a Igreja Católica Romana ser a prostituta do Apocalipse eo Papa de Roma o Anticristo: "Nós aqui são da convicção de que o papado é a sede da verdadeira e real Anticristo ... Pessoalmente, eu declaro que devo o Papa nenhuma outra obediência do que isso para o Anticristo ". 1 ( 2 TESSALONICENSES 2: 4 ) A avalanche foi agora imparável. O Tribunal Papal reagiu de forma drástica e chamado Lutero como herege e em 1518 a Inquisição começou em Roma. Este acalmado em 1519, durante a busca de um sucessor para o falecido imperador Maximiliano. Uma vez Karl V foi eleito imperador, a luta contra Lutero e seus seguidores continuaram. Lutero foi banido da Igreja Católica e em 1521 foi declarado oficialmente um foragido e um herege. Naquela época Lutero já tinha abrigo encontrado através do rei Frederik, o Sábio e manteve-se em Castelo de Wartburg. Ali, Lutero começou sua obra mais influente: qual foi a tradução da Bíblia para o alemão e sua tradução logo foi amplamente utilizado como base para diversas traduções da Bíblia Europeia. Ensinamentos de Lutero teve um enorme impacto no movimento da Reforma francesa e suíça também.

Martin Luther, que estava cheio do Espírito Santo com o sinal de falar em novas línguas 2 ( ATOS 2: 4 ; MARCOS 16:17 ), em forma de a Reforma Protestante mais do que qualquer outro que o precede. Graças à imprensa, outra invenção da época, seus panfletos foram bem lido por toda a Alemanha, influenciando muitos reformadores protestantes e pensadores e dando origem a movimentos de reavivamento na Europa e em outros lugares. Através de espalhar a Palavra de Deus na Alemanha, Lutero também pode ser visto como um dos principais contribuintes para o desenvolvimento da língua alemã. Além disso, ele escreveu um número considerável de hinos famosos que são cantadas em igrejas no mundo até hoje.

  Lutero orava em línguas

"Foi assim que a arma de Deus foi enterrado, mas as vitórias obtidas por ele permanecer na eternidade Lutero foi facilmente o maior evangelista depois dos Apóstolos: Como cheio de profundo amor pelo Senhor como João, o mais rápido em obras como Peter; tão profundo dentro. pensada como Paul; tão afiado e forte na palavra como Elias, como inquieto contra os inimigos de Deus como David Profeta e Evangelista, tanto falava em línguas e intérprete em uma pessoa, tendo todos os dons da graça, e ser uma luz e pilar da. igreja mostrar um bom exemplo de forma alemão e comportamento cristão em sua casa;. um mestre da língua alemã, em todas as coisas tão simples como uma criança e ainda profundamente ensinou; trabalho e trabalhando incansavelmente, ainda dando honra a Deus e seu Salvador sozinho . Muitas vezes em perigo, perseguido e ridicularizado e ainda sempre alegre;. pobres, mas trazendo riquezas abundantes Oh, que a memória deste homem pode permanecer abençoado "!

Fonte: 'Geschichte der Christlichen Kirche "(" História da Igreja Cristã ") (p.400)

 

Em 18 de fevereiro de 1546, Lutero morreu em Eisleben. Ele deixou seis filhos com sua esposa Katharina Von Bora.

Os Anabapists do século 16

Inimigos e adversários Os anabatistas nomeou-a como o termo significa "re-baptisers". Ao contrário Luterana protestantes ou católicos, eles não reconhecem o batismo infantil como povo bíblico, mas batizados que estavam arrependidos de acordo com ATOS 2:38 . Devido a este e outros princípios bíblicos até mesmo protestantes chamavam hereges. Lutero se chamava 'Schwarmer "(fanáticos, entusiastas) e apoiou a perseguição.

Perseguição dos anabatistas

várias denominações de hoje são os sucessores dos anabatistas continentais, incluindo os Amish, os Batistas, os irmãos, Hutterites, menonitas e Bruderhof Comunidades. Os menonitas, por exemplo, são um grupo de denominações cristãs anabatistas baseada nos ensinamentos de Menno Simons (1496-1561). O Amish , no entanto, foram nomeados após seu fundador Jakob Amman (1644-1730) (ver os holandeses e suíços relatórios de histórico de cristãos).

Durante o século XVI, os menonitas e outros anabatistas foram perseguidos implacavelmente. Muitos deles foram mortos e os sobreviventes muitas vezes encontraram o caminho para o exterior, primeiro na Europa e depois no exterior, principalmente na América do Norte.

Hoje, estas denominações ainda têm grandes comunidades nos EUA e no Canadá, muitas vezes, ainda vivem nos velhos modos de seus antepassados. Mais importante, porém, é a sua participação na fundação da nação mais baseada na Bíblia, no "Novo Mundo", os Estados Unidos da América.

A Contra-Reforma

Em 1534, Inácio de Loyola fundou a Ordem dos Jesuítas, em Espanha. Como o serviço de inteligência notório da Igreja Romana que teve uma grande influência na Contra-Reforma, que começou no Concílio de Trento (1545-1563). Buscam estabelecer uma distinção clara entre os dogmas católicos e os ensinamentos protestantes baseadas na Bíblia opostos da época. Um grande "sucesso" foi o "Augsburger Religionsfrieden" de 1555 que dizia que o governante real de uma região pode forçar as pessoas a seguirem a sua confissão religiosa (regio cuius, eius religio). Não demorou muito para que os conflitos enormes ocorreu, como na Casa de Habsburgo, que foi re-convertido ao catolicismo sob Rudolf II, com grande brutalidade como dezenas de milhares foram forçados a se converter ao catolicismo ou morrer. As pessoas da área Bohemian iniciou uma revolta contra o re-conversão ao sistema romano, que finalmente se transformou em Guerra dos Trinta Anos, em 1618 na batalha da Montanha Branca (1620), a confederação protestante sob o príncipe Frederik V foi espancado por Ferdinand II e ele foi forçado a deixar o país ou converter. A partir deste conflito, a guerra se espalhou para a Alemanha e, finalmente, envolvido Dinamarca (1625), Suécia (1630), França (1636) e até mesmo na Inglaterra.

Após a paz de Westphalia em 1648, a guerra parou e deixou a Europa devastada. Entre 15-20 por cento da população da Alemanha ficaram mortos, morrendo de fome ou sofrem de fome e de doenças endêmicas (peste, tifo e outras) tomaram seu pedágio. Um resultado imediato da guerra foi a consagração de uma Alemanha dividida entre muitos territórios de todos que tiveram a soberania de facto, apesar de serem membros permanente do Império até sua dissolução formal em 1806.

Cristianismo na Alemanha durante o século 18

ZinsendorfUm líder cristão muito influente no século 18 foi a Dresden nascido Conde de Zinzendorf e Pottendorf (1700-1760). Zinzendorf queria despertar as pessoas através da pregação, através da distribuição de trato, livros e pela benevolência prática, como a Igreja Luterana de seu tempo havia se tornado bastante paralisado. Ele acreditava que o verdadeiro cristianismo poderia ser melhor promovidos por associações livres de cristãos, que no decorrer do tempo, pode se transformar em igrejas sem conexão estado. Estes pensamentos podem ser postas em prática através de sua conexão com o Bohemian ou Morávia Irmãos. Zinzendorf ofereceu asilo a andarilhos da Morávia, que fugiu da perseguição católica maciça e construiu a vila de Herrnhut para eles em um canto de sua propriedade. Os irmãos que vieram de vários países para Herrnhut estavam unidos e tudo o que eles receberam o Espírito Santo e começou uma corrente de oração que durou cem anos!

Embora o cenário político e religioso na Saxônia era mais relaxado como Herrnhut foi cercado por comunidades protestantes, estes mesmos luteranos começaram a considerá-lo como um incômodo e um herege, porque ele era um perturbador da paz. Ele foi acusado de vários crimes, como fundar uma nova seita e de manter opiniões estranhas opostas aos ensinamentos da Igreja Luterana. No entanto, ele foi capaz de provar através de seu testemunho de que os irmãos em Herrnhut eram tão ortodoxa como Lutero. Seus métodos eram ousados e direta. Ao mesmo tempo uma comissão Luterana foi enviado para encontrar razões para a proibição Zinzendorf. Voltando, afirmaram: "Sua doutrina é tão puro como o nosso, mas nós não possuímos a sua disciplina!"

No entanto, foi devido ao fato de que a Assembléia em Herrnhut não se juntou a Igreja Luterana, que Zinzendorf foi finalmente banido da Saxônia em 1636 ele tomou isso como uma oportunidade para abrir em primeiro lugar uma nova comunidade em Hesse (Herrnhaag) e início mais tardio a mais influente obra missionária mundial.

Missionários foram enviados para as áreas mais remotas do mundo, por exemplo, entre escravos no dinamarquês governado Índias Ocidentais e para o Inuit na Groenlândia. Seus contatos com o tribunal da Dinamarca eo rei Christian VI facilitado tais esforços missionários. Ele viu com prazer a propagação desta protestante "ordem familiar" na Alemanha, Dinamarca, Rússia e Inglaterra. Ele viajou muito em seus interesses, visitando a América em 1741-1742 e de passar um longo tempo em Londres em 1750 colônias Missionaria, por esse tempo foi resolvida nas Índias Ocidentais (1732), na Groenlândia (1733), e entre o norte-americano índios (1735). Antes da morte de Zinzendorf os irmãos tinham sido enviados a partir de Herrnhut como colonialistas missionárias para Livonia; para as costas do norte do Báltico; para os escravos da Carolina do Norte; ao Suriname; para os escravos negros em várias partes da América do Sul; para Travancore nas Índias Orientais; para os coptas no Egito; para o Inuit de Labrador e para a costa oeste da África do Sul. John Wesley, fundador da Igreja Metodista, recebeu grande inspiração da missão de Zinzendorf para o seu próprio trabalho missionário em todo o mundo. Zinzendorf também escreveu um grande número de hinos, incluindo o conhecido "Jesus, o Teu sangue e justiça", e "Jesus, ainda lideram On".

Pietismo, o pentecostalismo ea Declaração de Berlim

Infelizmente, por volta do século 17 a Igreja Luterana tornou-se uma instituição teológica e Sacramentarian capa de credo e alguns teólogos ortodoxos governaram com quase o absolutismo do papado. Durante esse tempo, o movimento surgiu o pietismo, que também inspirou Zinzendorf. O nome de "pietismo" (como a de "metodistas", em Inglaterra) era um termo de ridículo, dado aos adeptos do movimento por seus inimigos.

Como um movimento distinto na Igreja alemã, pietismo originadas, principalmente, através do trabalho de Philipp Jakob Spener (nascido em 1635). As reuniões foram realizadas em sua casa (collegia pietatis) onde realizou um novo tipo de serviço, induzindo os presentes a participar de conversas. Sua obra causou uma profunda impressão em toda a Alemanha e, enquanto muitos pastores adoptou propostas de Spener, um grande número de teólogos luteranos ortodoxos ficaram profundamente ofendidos pelos ensinamentos de Spener, embora o seu conteúdo foi baseada puramente bíblica.

Os revivals alemão do século 20 começou, principalmente dentro das igrejas protestantes oficiais seguindo os ensinamentos de Spener e Zinzendorf, bem como as dos revivals em San Francisco (WJ Seymour) e Topeka (C. Parham) (ver Christian História dos EUA ). Estes movimentos se originou como um (Movimento de Santidade) "Heiligungsbewegung" e igrejas independentes surgiu ao lado de igrejas luteranas e protestantes. Este movimento levou a uma grande tensão dentro das igrejas alemãs e culminou com a "Declaração de Berlim" de 1909 , quando a igreja protestante acusou o movimento pentecostal de ser levar por espíritos satânicos! Posteriormente, o falar em línguas e de cura através da imposição das mãos foram proibidos. Pouco tempo depois conturbada história da Alemanha inclui: duas guerras mundiais devastadoras; o regime satânico dos nacional-socialistas, que poderia realizar abertamente sua "nova" religião do mal; e metade de um país com uma metade sob o regime comunista de 40 anos. Por fim, o declínio espiritual que pode ser visto e sentido hoje no país ocorreu como um resultado direto de extinguir o Espírito e se afastando de Deus.

 Esperança para o nosso futuro se nos voltarmos para Deus

Hoje, na Alemanha, a Bíblia com base em, pentecostais e outras igrejas não-mainstream são minoria clara e ainda são vistos com grande desconfiança e hostilidade. Muitas igrejas baseadas na Bíblia são rotulados como "seitas" e "cultos". Os luteranos e protestantes igrejas têm quase esquecido sua história e estão visivelmente retornando para as crenças da Igreja Católica sob o movimento ecumênico.

Só vai voltar para a Palavra de Deus pode reacender o fogo que se espalhou nos tempos de Martinho Lutero, o Conde Zinzendorf e outros. Muitos deles foram martirizados ou passou por grandes tribulações, para que pudéssemos ter uma Bíblia alemão e não viver na Idade das Trevas. É só se lembrar da nossa história, voltar para a Palavra de Deus e viver de acordo com a lei de Deus que nós, como uma nação, podem ser abençoados novamente.

OSÉIAS 4: 6 "O meu povo está sendo destruído por falta de conhecimento: porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei da tua crianças .

JÓ 8: 8 "Indaga, pois, eu te peço, da geração passada, e prepara-te para a busca de seus pais ..."

FONTE www.estudarhistoriadaigreja.blogspot.com.br